Especialistas reúnem dicas de cuidados durante o carnaval

A hora de cair na folia necessita de uma atenção especial, principalmente com a hidratação

by Voz Comunicação

A folia de carnaval já teve início e para aproveitar da melhor forma possível, são precisos alguns cuidados com a saúde. O desgaste físico e o calor intenso, característicos do período, exigem do folião uma atenção especial, principalmente com a hidratação. É preciso cuidado para evitar que o excesso de calor e atividades causem danos à saúde durante o carnaval.

Um problema muito comum nesse período é a desidratação. A sede não é o único sinal de pouca ingestão de água. O indivíduo também pode apresentar intestino preso, pele seca, inchaço (retenção de líquido), fome, cansaço, fadiga e dores de cabeça – todos os sinais de alerta para o consumo restrito de água. Em geral, o ser humano perde dois litros e meio de água por dia que são eliminados pela urina, fezes, saliva e suor. Quando a perda de líquidos ultrapassa esse limite, é considerado um caso de desidratação. E, em períodos mais quentes ou com grande intensidade de atividades, a transpiração excessiva pode contribuir para o quadro de desidratação.

Em geral, perdemos 2,5 litros de água por dia, eliminados pela urina, fezes, saliva e suor. Quando a perda de líquidos ultrapassa esse limite, é considerada um caso de desidratação – e em períodos mais quentes, a transpiração excessiva pode contribuir para o quadro de desidratação.

De acordo com o cardiologista e professor do IDOMED, Dr. Jober Teixeira Bastos, o calor também provoca a dilatação dos vasos sanguíneos, reduzindo a pressão arterial. “Por esse motivo, é necessária uma atenção especial com a hidratação, para que o corpo não sofra tanto nos períodos de calor intenso e nem corra o risco de desidratar. Além da atenção especial com a hidratação, é recomendável a ingestão de alimentos leves e a utilização de roupas frescas adequadas à estação”, diz o cardiologista.

Ele acrescenta que, em geral, o calor provoca a redução da pressão sanguínea, o que pode até diminuir o risco de infarto. “Apesar disso, se houver muita perda de líquido ou grande aumento do esforço (atividades de verão), isto pode aumentar o risco para o coração”, ressalta o professor.

A nutricionista e docente do curso de Nutrição da Estácio, Elisa de Espíndola, explica que alimentos gordurosos e frituras devem ser evitados nos dias de maior calor ou ainda antes de atividades. “Alimentos gordurosos costumam deixar a digestão mais lenta, piorando sintomas como mal-estar e fadiga, sensações comuns em dias de calor e de atividades. Salgados, frituras e outros petiscos também são ricos em sal e favorecem a retenção hídrica”, diz a nutricionista.

Apostar em consumo de alimentos e bebidas saudáveis é o trunfo para aproveitar os dias de folia sem nenhum percalço. A nutricionista ressalta ainda que, para quem quiser variar um pouco na hora de se hidratar sem fugir do saudável, existem opções refrescantes e deliciosas. “Dá para aromatizar a água com hortelã, aproveitar os chás gelados de preferência à base de ervas, flores e especiarias e sem açúcar, e é claro a água de coco”.

A nutricionista separou três receitas fáceis e refrescantes para amenizar a sensação térmica nos dias de calor mais intensos:

Smoothie de banana e manga

  • 1 banana congelada;
  • 1/2 manga espada congelada;
  • 150 ml de leite vegetal ou de vaca;
  • 1 colher de chá de mel;
  • Pode adicionar um scoop de whey sem sabor;

Bater tudo e consumir em seguida.

 

Pudim de chia

  • 120 ml de leite vegetal ou de vaca
  • 2 colheres de sopa de aveia em flocos finos
  • 2 colheres de sopa de chia
  • Pode acrescentar frutas como banana, morango ou uva

Misture na noite anterior e reservar na geladeira para ser consumido no dia seguinte.

 

Açaí com banana e granola

  • 1 polpa de açaí congelada
  • 1 banana madura
  • Mel

Bater tudo e acrescentar 2 colheres de sopa de granola

Related Posts

Leave a Comment