Nutricionista orienta aproveitar festividades e ceia natalina de forma equilibrada

by Voz Comunicação

As confraternizações de final de ano são sempre regadas a banquetes fartos, com muitas opções de pratos quentes, bebidas alcoólicas e sobremesas. E em meio a tantos eventos sociais ao redor da mesa, sair da dieta pode ser uma preocupação para quem está tentando perder peso ou prefere se alimentar de forma menos calórica. Entretanto, segundo a nutricionista e docente da Estácio, Eva Andrade, é possível aproveitar as celebrações sem contar calorias, de uma forma mais equilibrada.

“O segredo é buscar a moderação sem grandes restrições diante de tantas opções de pratos deliciosos. Não é produtivo se privar neste momento em que todos estão celebrando ao redor da mesa, porque se alimentar também é parte do rito social. Então, buscar servir e consumir apenas a quantidade suficiente para saciedade é o melhor caminho”, orienta Eva, ressaltando que essa dica vale para todo o ano, não só na época de Natal e Ano Novo.

A especialista reforça que o dia da ceia é apenas um em meio a uma rotina alimentar regrada, então não é prejudicial para o indivíduo aproveitar as refeições mais calóricas se depois retornar ao planejamento alimentar orientado pelo profissional de Nutrição que faz o acompanhamento. Em relação às bebidas alcoólicas, Eva ressalta que a hidratação é de suma importância para evitar a famosa “ressaca” no dia seguinte.

Para quem vai cozinhar, fazer escolhas mais assertivas quanto aos ingredientes também pode ser uma saída. Para fazer pratos deliciosos, mas menos calóricos, Eva enumera evitar o uso de ultraprocessados como maionese, embutidos e molhos prontos; ter atenção ao excesso de açúcar, manteigas e margarinas; e dar preferência a preparações assadas em vez de fritas.

“Algumas substituições podem deixar a refeição mais saudável do ponto de vista nutricional são optar por carnes magras assadas ou grelhadas; o arroz pode ter leguminosas como brócolis e cenoura para ficar mais rico em fibras; na farofa, substituir uma parte da farinha de mandioca por aveia, por exemplo. Além disso, o tempero da comida deve ser feito com ervas naturais em vez dos temperos prontos, que têm alto teor de sódio, e as sobremesas com chocolate 70% cacau em vez de achocolatado”, aconselha.

Related Posts

Leave a Comment